Esta semana aconteceu a primeira Live do Projeto ‘AudioLivres: literatura, corpo e acessibilidade’, que tem como objetivo integrar as pessoas com deficiência em ações culturais por meio da produção de audiolivros. As obras, que são de autoria de docentes da Universidade Federal do Sul da Bahia (UFSB) e de colaboradores, estão sendo disponibilizadas no canal do Projeto no YouTube.

Ao todo serão nove obras, cinco voltadas para o público amplo e quatro livros infantis. Duas obras de Maria Lacerda de Moura serão transformadas em audiolivro, o que possibilitará a divulgação do trabalho da escritora, morta em 1945 e cujas obras não são editadas há mais de 40 anos. Os livros infantis são todos de autoria do professor Eder Rodrigues da Silva, da UFSB. O Projeto foi idealizado para atender a uma área carente de ações culturais e artísticas na região Sul da Bahia.

A equipe, coordenada pela professora Aline Nunes de Oliveira (IHAC-CSC), realiza as transmissões ao vivo com os autores das obras, contando com os comentários dos estudantes deficientes visuais, que compartilham suas impressões sobre os audiolivros produzidos. As Lives seguem até o mês de novembro. O Projeto Audiolivres, aprovado no Edital Prosis 07/2020, tem como objetivo integrar as pessoas com deficiência em ações culturais por meio da produção de audiolivros. Todos os audiolivros (ou audiolivres) estão sendo disponibilizados na íntegra e gratuitamente.